AMAM participa de reunião para discutir combate ao coronavírus no estado

O presidente da Associação Mato-grossense de Magistrados, juiz Tiago Abreu, participou, na tarde desta segunda-feira (23 de março), de reunião com representantes do Executivo e Legislativo estaduais para discutir ações de combate ao coronavírus. Na oportunidade, ficou definido que o encontro deverá se repetir no mesmo dia e horário nas próximas semanas, como uma forma de fortalecer o combate à pandemia.

Segundo o presidente da AMAM, a reunião foi bastante positiva. “O governador apresentou tudo o que estado tem feito e pediu apoio e sugestões de todos os presentes. Creio, e isso ficou claro também em relação aos demais integrantes da reunião, que a união de esforços irá trazer resultados profícuos para o estado de Mato Grosso”, opina o magistrado.

O juiz Tiago Abreu lembra que, antes dos poderes adotarem medidas mais incisivas para o combate à disseminação do vírus, a AMAM já havia demonstrado sua preocupação com o problema. A entidade protocolou junto ao Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), no dia 16 de março, um pedido para adiamento de audiências nos fóruns do estado por dois meses e também a adoção do teletrabalho e restrição de acesso às dependências de órgãos ligados ao Judiciário.

A reunião desta segunda-feira contou ainda com a participação do presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha; do governador Mauro Mendes e dos secretários Mauro Carvalho (Casa Civil) e Alberto Machado (Gabinete de Governo); do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho, e dos deputados Max Russi e Dilmar Dal Bosco; do presidente do Tribunal de Contas, conselheiro Guilherme Maluf; e do defensor-público geral, Clodoaldo Queiroz.